estudos

 

Com o fim do semestre se aproximando, as provas começam a se acumular e com elas, os estudos também. São nesses momentos que todos desejam ter se dedicado mais durante o período, e assim, não teriam tantas coisas para fazer.

Mas ter uma organização dos seus estudos antes da prova pode contribuir bastante com o seu dia a dia. Nesse caso, você deve se alimentar bem e arrumar quais são as suas prioridades. Dessa forma, você consegue reduzir o estresse e ter sucesso na hora dos exames.

Veja algumas dicas para ter uma organização melhor do seu tempo.

 

Esse é o primeiro passo para melhorar a organização do seu tempo. Você precisa listar tudo que deve fazer e acredite, é possível que estudantes deixem de fora atividades importantes, e por isso a listagem é fundamental para iniciar o processo.

Além disso, é comum que estudantes deixem para fazer as atividades no último minuto antes da entrega e isso tem um efeito impactante na qualidade do seu trabalho, e consequentemente, na sua nota.

A sua lista deve incluir todos os prazos impostos pelas universidades, organizados pela sua prioridade e quanto tempo deve demorar. Não esqueça de sinalizar quando for finalizada.

Não importa o modelo que o seu planejamento vai ter: pode ser feito com pequenos papéis colados na parede e até no calendário do seu celular. Você deve encontrar uma maneira de organizar as suas tarefas de forma bem completa e que seja possível adicionar as suas prioridades.

Existem diversos aplicativos que irão ajudar nisso e você pensar nos horários que está mais alerta e planejar seus horários de estudo baseado nisso. Além disso, ele deve ser bem completo. Então inclua os seus horários sociais, mas não esqueça de ter tempo suficiente para dormir.

O necessário é que você tenha entre sete e oito horas de sono todas as noites, mas é comum que algumas pessoas tenham mais produtividade a noite. Se esse for o seu caso, organize o seu planejamento em volta disso.

 

O indicado é que você deixe por volta de oito a dez horas por dia para as suas tarefas de trabalho, estudo e social. Elas são bem necessárias para tudo ser resolvido. Além disso, o esperado é que você dedique, pelo menos, 35 horas por dia aos seus estudos, com os seminários e palestras incluídos.

Se você tiver apenas 15 horas de aula, use as outras 20 para estudar de forma independente. Mesmo assim, lembre-se que nem tudo sempre sai como planejamos e pode tomar mais tempo que o esperado por nós. Por isso, sempre conte com um tempo extra caso você precise.

 

Sabemos que a procrastinação é um grande problema atual, mas para evitá-la o ideal é procurar lugares que você consiga estar focado enquanto estuda, longe de distrações. Faça esse momento mais aproveitável.

Lembre-se: o que funciona para uns, pode não funcionar para outros. Então busque métodos que ficam melhor para você e que ajude na sua motivação e produtividade.

 

Os exercícios são uma ótima forma de ajudar na sua concentração e no foco, ajudando a clarear a sua mente e irão impulsionar a performance do seu cérebro entre as sessões de estudo.

Se você não está acostumado a fazer exercícios, tente acrescentar uma corrida de dez minutos no seu planejamento e vá aumentando conforme o tempo passa e você fica mais acostumado.

No final das contas, ajuste sempre o seu planejamento para que ele esteja em ordem com as suas mudanças. É uma constante atualização. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.