fbpx

Networking ou sorte?

Eu quero falar sobre networking. Muitas vezes as pessoas não praticam isso e acabam perdendo grandes oportunidades.  Vamos primeiro ao que quer dizer networking: pode ser traduzido como rede de contatos onde é estabelecida a conexão com algo ou com alguém.

Importante para que isso seja bem feito, é que não basta ter uma rede de contatos muito numerosa. O que importa é a qualidade desses contatos. Isso é o que realmente prevalece. E o que acontece? Um contato indica o outro para uma nova oportunidade de trabalho e assim cria-se um ciclo de boas referências. Aliás, uma informação importante: esse monte de vagas que a gente vê publicada em alguns sites especializados já possuem candidatos pré-definidos. Algumas empresas apenas publicam para dar um ar de transparência ao processo e até mesmo divulgação da marca. Outras realmente utilizam esses sites para pesquisar para vagas. Eu mesmo já contratei por essas ferramentas.

Mas o grande problema quando se entra numa disputa dessas é que a seleção é muito superficial. Então mesmo você sendo um bom candidato, acaba tendo chances reduzidas. Essa semana mesmo conversei com um amigo que publicou uma vaga. Ele me contou que recebeu mais de 3500 inscrições. E por acaso, ele acabou percebendo no meio desse tanto, uma pessoa que já havia sido da mesma equipe que ele. E eles mantêm um nível de amizade e tal. Mas essa pessoa que se inscreveu não havia entrado em contato com ele, mesmo sabendo que a vaga era com esse amigo. Ou seja, acabou sendo percebido apenas na sorte. Uma vez que foi notado, ele pulou na frente das outras 3500 pessoas.

Mas notem que isso tudo poderia ter sido diferente se a pessoa utilizasse de fato o seu networking. E aqui estou falando tanto da pessoa que se candidatou para a vaga como também para o gestor, que poderia ter utilizado melhor seus contatos para buscar um candidato adequado.

 Desta forma, um contato pode indicar o outro para uma nova oportunidade de trabalho e assim dar as “boas referências” que auxiliam a conquistar a vaga de trabalho. Como também pode criar ou desenvolver um projeto onde se alie às habilidades e competências de cada um.

Algumas formas de se fazer isso são comentadas nas redes sociais das pessoas, com observações importantes e construtivas. Outro fator é manter um relacionamento fora do ambiente de trabalho, seja chamando para almoçar, seja para alguma atividade em um clube ou outra associação de pessoas, como igrejas, ações beneficentes etc. O importante é estar conectado com as pessoas de alguma forma, se fazendo presente e relevante.

E uma vez que for beneficiado pelo networking, retribuir e fazer o mesmo. As pessoas às vezes são muito egocêntricas e egoístas, e acabam se esquecendo que a roda gira, o mercado de trabalho é do tamanho de um ovo e as pessoas se conhecem e toda hora se encontram. Portanto, não tenha vergonha de interagir com as pessoas, ligar para saber como se está, mandar e-mail pedindo alguma informação ou indicação. Isso é normal, é legal e faz parte da trajetória profissional de todos.

inscreva-se para receber novas atualizações de artigos

Localização

Rua Bandeira Paulista, 530
Itaim Bibi, São Paulo – SP